quarta-feira, 16 de abril de 2014

Receita Federal e PRF apreendem cigarros contrabandeados em Canoas/RS

Última atualização 16/04/2014 15:00

Na manhã desta quarta-feira, 16 de abril, Agentes da Repressão ao Contrabando da Receita Federal em conjunto com a Policia Rodoviária Federal apreenderam no entrocamento das rodovias BR386 e BR116, Canoas/RS, um veículo transportando grande quantidade de maços de cigarros contrabandeados do Paraguai.

A Receita Federal monitorou o veículo na rodovia federal, após denuncia recebida afirmar que possivelmente nesta manhã um veículo roubado estaria transportando contrabando procedente de Foz do Iguaçu/PR. Identificado o veículo a Receita Federal ordenou a parada para fiscalização, ordem desobedecida pelo condutor que que fugiu em alta velocidade pela rodovia, inclusive trafegando pela contramão na BR386, nas proximidades de Canoas/RS. Verificada a fuga, estando o veículo circulando em rodovia federal, foi solicitado apoio a PRF para a interceptação do contrabando. 

O automóvel, um GM/Vectra, tratava-se de veículo roubado que utilizava placas clonadas de  modelo igual emplacado em Ivoti/RS, e transportava em seu interior 21 mil carteiras de cigarros contrabandeados. A carga está avaliada em R$ 80 mil.  O condutor S. B., de 32 anos foi encaminhado a autoridade policial para lavratura do flagrante.










Receita Federal intercepta veículo transportando caça-níqueis.

Última atualização 16/04/2014 15:35

Na madrugada desta quarta-feira, dia 16 de abril, na rodovia BR116, nas proximidades da cidade de Pelotas/RS agentes da repressão ao contrabando da Delegacia da Receita Federal realizaram atividade fiscalizatória no local.

A ação, integrante da operação Fronteira Blindada da Receita Federal, teve como objetivo fiscalizar veículos procedentes da região de fronteira com o Uruguai e verificar a regular importação de mercadorias estrangeiras encontradas.

Destaque para a apreensão de um Renault/Sandero que transportava máquinas caça níquel e ceduleiras.  O motorista, carro e equipamentos foram encaminhados à Polícia Civil, que registrou ocorrência no momento.







terça-feira, 15 de abril de 2014

Receita Federal apreende moeda estrangeira que ingressava no país irregularmente em São Borja


Última Atualização 15/04/2014 às 22:16
 
Por volta das 8:30 de terça feira dia 15/04/2014 no setor de bagagem do Centro Unificado de Fronteira, servidores da Receita Federal abordaram o veículo GM/ONIX AZUL, com a placas argentinas, que estava sendo conduzido por um motorista  argentino.
 
No veículo foi encontrado uma quantia em dinheiro que estava armazenada no porta luvas do veículo.
 
O autuado estava transportando a quantia de P$180.000,00 (cento e oitenta mil Pesos Argentinos), após o autuado ter feito a migração para ingressar no Brasil a equipe fez a abordagem e neste momento detectou a irregularidade. 
 

Foi feita a apreensão da moeda sendo liberado o valor de P$36.300,00 (trinta e seis mil e trezentos Pesos Argentinos) equivalente a R$10.000,00 por ser o valor permitido em lei. No total foi apreendido P$143.700,00 (cento e quarenta e três mil e setecentos Pesos Argentinos) feita a conversão ao cambio do dia dando um total de R$40.236,00 (quarenta mil e duzentos e trinta e seis Reais). 
       

 
 


quarta-feira, 9 de abril de 2014

Receita Federal retem ônibus de turismo em Lajeado-RS

Ultima atualização 09/04/2014 16:30


A Receita Federal reteve na madrugada desta quarta-feira, dia 09 de abril, um ônibus de turismo procedente do Paraguai que tinha como destino a cidade de Canoas-RS.  O coletivo foi abordado pelos agentes da Receita Federal, com apoio da PRF, na rodovia BR386, próximo a cidade de Lajeado-RS.

O veículo foi conduzido para o depósito da Receita Federal na região metropolitana de Porto Alegre-RS. Os passageiros foram liberados e deverão comparecer em data a ser agendada para a conferência das mercadorias retidas e comprovação da regular importação das mesmas.

O valor das mercadorias retidas está estimada em R$ 50 mil.  Ação, integrante da operação Fronteira Blindada, contou com agentes da divisão de repressão ao contrabando de Porto Alegre-RS, da Alfandega de Rio Grande-RS e Delegacia da Receita Federal de Novo Hamburgo-RS.